Nunca encontrei ninguém completamente incapaz de aprender a desenhar.

John Ruskin, intelectual inglês do século XIX


Pensamos que o Diário Gráfico melhora a nossa observação, faz-nos desenhar mais e o compromisso de colaborar num blogue ainda mais acentua esse facto. A única condição para colaborar neste blogue é usar como suporte um caderno, bloco ou objecto semelhante: o Diário Gráfico.


Neste blog só se publicam desenhos feitos de observação e no sítio

terça-feira, 22 de maio de 2018

XIII Festival Internacional da Máscara Ibérica - parte I

Este ano regressei aos jardins da praça do Império, em Belém para registar as atividades do FIMI. Estive durante o dia 18 e 19 e este ano os desenhos acabaram por ser um bocadinho diferentes pois não fui com a mesma energia, por isso no primeiro dia dediquei-me a coisas mais estáticas em vez de percorrer o recinto atrás dos animadores.

Parei no stand do Sr. António Alves, que desde que se reformou dedica-se a fazer os caretos tradicionais das festas dos rapazes da aldeia de Varge, no distrito de Bragança. São máscaras fantásticas que resultam do seu imaginário, todas diferentes e originais! As mais bonitas são em madeira, de pedaços de troncos com raízes e ramos que se transformam em cornos, cobras e deformações que as fazem assustadoras! As mais requisitadas pelos foliões são de chapa pois são mais leves para usar, mas também as há de cortiça e de "escrinho", feita em palha de centeio e de silva (mais escura). Esta última da aldeia de Baçal, arte que agora perpetua depois da única pessoa que as fazia ter falecido.
É dos poucos artesãos que se dedica a perpetuar esta arte, que como sempre fica ameaçada se ninguém por ela se apaixonar :)




Festival Internacional da Máscara Ibérica 2018

Fui ao FIMI na passada sexta feira e no tempo que consegui lá ficar, foram estes os desenhos que saíram.
É realmente um evento mt mt desenhável. Tive pena de não conseguir regressar noutros dias. Fica mais para o ano.

 

Praia da Poça Estoril

Praia da Poça - Estoril


Vamos desenhar com... Isa Silva






Ponte de Lima, à noite


Encontro Fundação Eugénio de Almeida_Évora






Paço de Arcos

Em tarde soalheira, fomos desenhar no Centro Histórico de Paço de Arcos. Desta vez nas traseiras do restaurante "Os Arcos", que dá para a Marginal. Este é um dos prédios velhos ao lado.


segunda-feira, 21 de maio de 2018

MoSk a desenhar Clássicos III

Decorreu no fim de semana passado o VI Encontro de Automóveis Clássicos/Antigos de Montemor-o-Velho e com animado encontro os desenhos não poderiam faltar. Com tantos clássicos não deu para desenhar todos  mas o mais desenhado foi o Ford Anglia. Foi uma tarde bem passada na companhia dos sketchers de Coimbra, Leiria e de Abrantes a desenhar. Mais fotos aqui no grupo MoSk.

 Foto de grupo claro!

 Desenho de Susana Ferreira

Desenho de Pedro Messana

 Desenho de Carlos

 Desenho de Marco Moura

 Desenho de Ismael

 Desenho de Elsa

 Desenho de Jorge Antunes

A dar descanso às Poscas e ao papel kraft



Memórias do Bairro Alto (às 5 da manhã)


Na Graça: Conversando entre Antropologia e Desenho



Concerto em Elvas

Uma trombeta, um percussionista, um maravilhoso órgão histórico no coro da Igreja Matriz de Elvas, um problema, uma solução expedita: virar todos os bancos para trás.
E assim se fez mais um fantástico concerto do Festival TERRAS SEM SOMBRA2018 https://festivalterrassemsombra.org/ .
E na apresentação feita pelo Prior ainda ouvimos aquela oportuna quadra alentejana:
Alentejo não tem sombra
Senão a que vem do céu
Senta-te aqui amor
à sombra do meu chapéu.

ÉVORA - FUNDAÇÃO EUGÉNIO DE ALMEIDA


Jardim Botânico

Sketch urbano? Sim no centro de Lisboa onde a cidade se deixa de ouvir, o Jardim Botânico voltou abrir.

Workshop de Sketching para Crianças e Jovens - 24 de Junho no Jardim Botânico de Lisboa




Há muito que tenho reparado que poucas crianças/jovens participam nos nossos encontros e quero mudar isso.
Daí a criação deste workshop especifico de modo a trazer juventude para os diários gráficos, de perderem a 'vergonha' de mostrar o desenhos e rabiscar no meio dos crescidos :-)

A primeira edição vai ser no dia 24 de Junho, um domingo, das 15h às 17h30 no belo e acolhedor Jardim Botânico de Lisboa perto do Príncipe Real em Lisboa. Enquanto decorre o workshop, os pais podem desfrutar do jardim e ter uma tarde de pura descontracção.

O preço do workshop inclui a entrada no Jardim Botânico que foi recentemente renovado.

Informações e inscrições para isasilva.workshops@gmail.com

Idade: A partir dos 10 anos
Local: Jardim Botânico de Lisboa, Rua da Escola Politécnica 54
Autocarros: 758 e 773 ambos na Rua da Escola Politécnica ou 706, 709, 774, 720, 727 e 738 no Largo do Rato.
Metro: Rato
GPS: 38.717748, -9.150102

Caso se justifique, poderei fazer uma data extra no dia 13 de Junho, dia de Santo António, feriado em Lisboa.

Tragam os vossos filhotes, falem aos amigos e colegas de trabalho. Agradeço desde já, todas as partilhas e divulgações que fizerem.


Paço de Arcos

Lápis de Cor

Sketch like a filmmaker

Sketch like a filmmaker é a 12ª aula do curso anual de Urban Sketchers 10×10 Lisbon. É a última das aulas da Primavera. Irá ser na quarta-feira, dia 23 de Maio.



Com os formadores Francisco Costa e Pedro Loureiro, iremos descobrir a relação entre o filme e o desenho, e de que forma podemos aprender a desenhar melhor, com a ajuda de técnicas cinematográficas. O desenho e o cinema são ambos veículos para contar histórias. As regras de composição, de sequência e de narrativa que se aplicam à captação e montagem de um filme podem também ser aplicadas ao desenho em cadernos, e o Francisco irá trazer a sua experiência em cinema para nos mostrar como.

Francisco Costa nasceu em Elvas, em 1976. Enveredou, na escola secundaria, pela área das artes e mais tarde termina o bacharelato de Cinema e Vídeo na Escola Superior Artística do Porto (ESAP). Estagia num filme produzido pelo produtor Paulo Branco.
Em 1998 trabalha como editor de vídeo na Expo 98. Desde aí tem vindo a exercer trabalho como editor de vídeo e cinema em projectos de todo o tipo para televisão, cinema e instalações artísticas. Filmou e editou quatro curtas metragens com a produtora OverlookFilmes na qual também é produtor. Foi convidado para realizar sessões para o planetário do centro multimeios de Espinho e para o Planetário de Lisboa. Desde 2014 desempenha funções de realizador e editor de vídeo na Estaleca – Agência Criativa e Artística.

A oficina Sketch like a filmmaker irá ter lugar na Cinemateca, em Lisboa. Encontramo-nos no Bar 39 Degraus, no topo do edifício.

Contacto para inscrições:
education@urbansketchers.org

Consulta aqui o programa completo.


sábado, 19 de maio de 2018

Praça Vasco da Gama - Vila do Conde

Primeiro encontro oficial dos ViSk-Vila do Conde Sketchers. Que bela cidade a precisar de ser desenhada...